Publicidade

Homem que confessou assassinato de Danilo Reolon é solto pela justiça

Acusado teria ido pescar com a vítima

08 de Março
Publicidade

Depois de investigações, a Polícia Civil de Nova Erechim, com apoio da Polícia Militar, prendeu nesta quinta-feira (07), um homem acusado de matar o aposentado Danilo Reolon, na última semana. Seu corpo foi encontrado nas Águas do Rio Chapecó, na região da Linha Navegantes, em Nova Erechim.

Horas depois de ter confessado o crime e de ser preso, o acusado foi solto pela Justiça.  Ainda de acordo com a família, na delegacia o suspeito confessou o crime e esclareceu alguns detalhes. O acusado já tem passagens pela polícia.

 O delegado representou pela prisão preventiva do acusado e o Ministério Público deu deferimento. Porém, o Poder Judiciário indeferiu por achar que o acusado do crime confessou e colaborou com os trabalhos policiais.

A família está indignada com a situação e quer que a justiça seja feita. “Não é possível que em nosso país o criminoso confessa o crime e não fica preso. Ele confessou ter matado o meu pai. Estamos arrasados pela morte e revoltados pela decisão da justiça”, disse um dos filhos que procurou a reportagem do Jornal A Sua Voz.

O homem que confessou o crime é morador de Nova Erechim e teria ido pescar junto com a vítima. O acusado confessou que acabou tendo um desentendimento com a vítima no local e o atacou com golpes de facão.

O ministério Público deverá recorrer da decisão nesta sexta-feira ainda por se tratar de um crime grave.

 

Publicidade
Publicidade